INSTRUÇÕES:

Outros dados, e cartas, no final da página
(Os nós bem atados não há quem os desate, a corda e o jugo no pescoço, a grilheta na perna, as promessas de futuro com que nos enrolaram, os sete e mais sete e mais sete anos que servimos os outros em nome de uma Raquel apodrecida que nunca quereremos ter. Os nós bem atados são como os nódulos rijos dos nós da madeira, da madeira dessas árvores a que atiramos a corda para por fim nos pendurarmos, nus de nós).


Sem comentários:

Enviar um comentário

Amor

O seu amor é feito de vidros que cortam, isso era tudo o que sabia dizer e que poderia até ambicionar dizer-lhe se surtisse a ocasião ou...