movimento ilusório

   O navio de passageiros que iria abandonar o país fez soar a sua sirene no porto, saindo deste em marcha-ré para que os seus passageiros não se consumissem com a dor das despedidas.

1 comentário:

arenga sobre o amor

«Tu és a mulher amada: destrói-me! Tua beleza /Corrói minha carne como um ácido! Teu signo / É o da destruição! Nada resta / Depois de ti ...