INSTRUÇÕES:

Outros dados, e cartas, no final da página

milonga

   Diego Albornoz adormece na sua sala, a ouvir uma milonga no estéreo. Adormece e sonha com noites fogosas de bebida e mulheres, e duelos de punhais por mulheres e bebidas. Diego acorda, aliviado, mais incomodado pelo sonho do que pelo punhal que tem cravado no peito.


Sem comentários:

Enviar um comentário

O Processo de Jesué Nazareno

     Texto original que foi submetido a um concurso literário (sem sucesso), transita aqui para o arquivo morto desta página, para o caso da...