retweet



Um D.Quixote envelhecido e desencantado olhou os moinhos, e viu...moinhos. 
Estes, os gigantes, tiveram pena do pobre velho, e despiram os seus disfarces de moinho. 


[imagem: arte de Gustave Doré]

arenga sobre o amor

«Tu és a mulher amada: destrói-me! Tua beleza /Corrói minha carne como um ácido! Teu signo / É o da destruição! Nada resta / Depois de ti ...