Para ficar mais leve, confiou as suas lembranças e recordações à mulher. Mas a desavergonhada despojou-o delas, roubou-as para sempre, deixando-o vazio e meio perdido. 
Ela não tinha nada que morrer tão cedo!

1 comentário:

  1. Mulheres não são, de fato, muito confiáveis!

    ResponderEliminar

arenga sobre o amor

«Tu és a mulher amada: destrói-me! Tua beleza /Corrói minha carne como um ácido! Teu signo / É o da destruição! Nada resta / Depois de ti ...