justificação

- Mãe! A minha sombra está a seguir-me, tenho medo!
- Porque é que não te viras, para a olhar de frente?
- Porque ela também se iria mover e eu teria muito mais medo de descobrir uma sombra anómala, apontada ao Sol...

Sem comentários:

Enviar um comentário

arenga sobre o amor

«Tu és a mulher amada: destrói-me! Tua beleza /Corrói minha carne como um ácido! Teu signo / É o da destruição! Nada resta / Depois de ti ...