INSTRUÇÕES:

Outros dados, e cartas, no final da página

Filistiaria

Gregor Samsão possuía uma vaidade enorme nos seus longos cabelos encaracolados, o que enfurecia deveras a sua companheira. Uma noite em que ele adormecera no seu colo, Dalila subtrai uma tesoura da caixa de costura e, gentilmente, tesourada a tesourada, corta-lhe os cabelos até à flor da pele. Acabada a sua obra, desperta-o, e ri-se na cara de Samsão, que fica pior do que uma barata quando descobre o que ela lhe fez.

1 comentário:

  1. Ora José, nem Kafka lembraria de fazer tal mistura!

    ResponderEliminar

Rainha

                Subiu lesto os parcos degraus que separavam o átrio do hotel do recinto sobrelevado onde haviam instalado a receção. Ab...