Filistiaria

Gregor Samsão possuía uma vaidade enorme nos seus longos cabelos encaracolados, o que enfurecia deveras a sua companheira. Uma noite em que ele adormecera no seu colo, Dalila subtrai uma tesoura da caixa de costura e, gentilmente, tesourada a tesourada, corta-lhe os cabelos até à flor da pele. Acabada a sua obra, desperta-o, e ri-se na cara de Samsão, que fica pior do que uma barata quando descobre o que ela lhe fez.

Mensagens populares deste blogue

A viagem

Abril de 1918 - o caminho para uma Primavera de sangue