INSTRUÇÕES:

Outros dados, e cartas, no final da página

Fracção de incerteza

Germano era o homem da vida de Antónia, era ele quem ela amava de corpo e alma, eram amigos, amantes, companheiros. Mas Antónia tinha o carácter fraco e acabou por se casar com André do Nascimento, comerciante e cidadão honrado, benquisto pelos pais de Antónia como se de um outro filho se tratasse. Noivou, casou, e manteve uma vida dupla, com André e com Germano. Quando nasceu um filho, Antónia sentia até ao âmago do seu ser, que aquela criança não era um fruto do casamento, mas um filho do amor, dela e de Germano. O casamento, artificial e inócuo, acabou por entrar em ruptura, e Antónia expôs a André o problema - Vou sair da tua casa, vou-me embora com a criança, porque ele não é teu filho! André do Nascimento não aceitou; e os pais de Antónia também não, e colocaram ao serviço do genro o melhor advogado que as suas posses permitiam. Diligência crucial, fizeram-se testes de ADN, e estes concluíram, com uma certeza de noventa nove, vírgula nove por cento, que a criança era filho dela e de Germano. André do Nascimento ouviu a notícia do advogado com um sorriso mordaz, e replicou de imediato - Nesse caso, nada está perdido nem provado, ele ainda é meu filho zero, vírgula, um por cento!  

Rainha

                Subiu lesto os parcos degraus que separavam o átrio do hotel do recinto sobrelevado onde haviam instalado a receção. Ab...