Tristão Alves bateu o recorde europeu dos dez mil metros, mas o seu recorde durou apenas algumas horas porque se descobriu que correra dopado com hormonas. "É uma injustiça atroz" - terá declarado o atleta, off the record.

Sem comentários:

Enviar um comentário

arenga sobre o amor

«Tu és a mulher amada: destrói-me! Tua beleza /Corrói minha carne como um ácido! Teu signo / É o da destruição! Nada resta / Depois de ti ...