INSTRUÇÕES:

Outros dados, e cartas, no final da página

Personagem


Ela dissera-lhe um dia - Não quero nada contigo, não quereria, nem que fosses o último homem á face da terra! Agora, ele está outra vez ao seu lado, e é o último homem á face da terra, não há mais ninguém. Ele conhece o poder do seu orgulho, mas já surpreendeu o desejo nos seus olhares dissimulados. Durante a noite, ele passa a visitá-la coberto com uma pele de cordeiro, amam-se e acarinham-se entre palavras e balidos. Com esse estratagema, ambos mitigaram a sua solidão, e ela pôde manter a sua palavra.


Sem comentários:

Enviar um comentário

Amor

O seu amor é feito de vidros que cortam, isso era tudo o que sabia dizer e que poderia até ambicionar dizer-lhe se surtisse a ocasião ou...