INSTRUÇÕES:

Outros dados, e cartas, no final da página

um dia de Domingo

É cómodo e conveniente adiar a vida, deixar para outro dia as decisões e gestos e mudanças que são vitais e urgentes.

Amanhã!

Amanhã pedirei desculpa, construirei, irei conseguir um tempo para brincar com o meu filho, e conviver com os amigos, um tempo para procurar respostas para as questões que nos consomem em lume brando, amanhã declararei o meu amor, anulando o acaso e a dissipação...

Amanhã será a mudança, amanhã terei vagar e talento para equilibrar o eixo do cosmos e limpar a alma, amanhã os ventos serão a favor, e a oportunidade dourada aguarda na curva do caminho.

Amanhã! Ou num outro dia, mas não hoje, que os astros não nos favorecem, e as linhas da mão, e as folhas de chá no fundo da chávena.

Amanhã ou num outro dia, mas não hoje, que hoje, não existe a coragem.


4 comentários:

  1. Nada contra, mas amanhã eu comento hehe.

    ResponderEliminar
  2. Nada como estar de acordo consigo mesmo! Se não há coragem, sem coragem está!
    Bom te saber de volta!

    ResponderEliminar
  3. Também é bom estar de volta, sobretudo, quando foi bom sair um pouco

    ResponderEliminar

Rainha

                Subiu lesto os parcos degraus que separavam o átrio do hotel do recinto sobrelevado onde haviam instalado a receção. Ab...