Zen-à-Vista

Marco Polo descreve uma ponte, pedra a pedra.
– Mas qual é a pedra que sustém a ponte? – pergunta Kublai Kan.
– A ponte não é sustida por esta ou por aquela pedra – responde Marco – mas sim pela linha do arco que elas formam.
Kublai Kan permanece silencioso, reflectindo. Depois acrescenta:
– Porque me falas das pedras? É só o arco que me importa.
Polo responde:
– Sem pedras não há arco.
(Italo Calvino, "As Cidades Invisíveis")

Mensagens populares deste blogue

A viagem

Abril de 1918 - o caminho para uma Primavera de sangue