Éssémeésse oblige

- Queres sair este fim-de-semana, amor? Podíamos dar um passeio, alugar um quarto numa pensão à beira-mar, dar longos passeios pela praia, comer e beber vinho num restaurante com vista sobre o azul, fazer amor.
- Não, não posso, aderi a uma promoção da operadora e deram-me duzentos Sms's para gastar em dois dias. Estava a ver se me lembrava de nomes...

Sem comentários:

Enviar um comentário

arenga sobre o amor

«Tu és a mulher amada: destrói-me! Tua beleza /Corrói minha carne como um ácido! Teu signo / É o da destruição! Nada resta / Depois de ti ...