Coração mole

- Não sou um insensível, um tosco, percebes? É verdade, que faço tudo pela carne, que vivo para a perseguir, que vivo dia e noite para isso, percebes? Mas não sou indiferente, eu preocupo-me contigo, procuro dar-te sustento e abrigo, quero que te sintas confortável porque tenho sentimentos, tinha de deixar-te a minha marca mas custou-me muito, como me vai custar muito, perder-te um dia. Percebes?
- Muuu! - respondeu a vaca.

Sem comentários:

Enviar um comentário

arenga sobre o amor

«Tu és a mulher amada: destrói-me! Tua beleza /Corrói minha carne como um ácido! Teu signo / É o da destruição! Nada resta / Depois de ti ...