INSTRUÇÕES:

Outros dados, e cartas, no final da página
- Amigo, meu amigo - soluçava o moribundo - Eu quero que tu segures na asa do meu caixão.
- Porquê, amigo? Tens medo que ele voe?

Sem comentários:

Enviar um comentário

Rainha

                Subiu lesto os parcos degraus que separavam o átrio do hotel do recinto sobrelevado onde haviam instalado a receção. Ab...