INSTRUÇÕES:

Outros dados, e cartas, no final da página

A PROSA DOS NOVE

Quando o "Estrada de Santiago" transitou do MSN para o Blogger, em Janeiro deste ano, o seu primeiro avatar no MSN deixou de fazer sentido: tornou-se um destroço à deriva, um weblog interrompido que eu não pretendia reactivar.
Decidi reciclá-lo (fica bem, reciclar).
Não foi nenhum delito, mas delitei todos os posts com fotos, com citações e excertos de prosa de diversos autores, e os posts que viviam duma alusão vincada ao momento ou actualidade em que foram escritos e que, por isso, foram também à vida (poupei meia-dúzia deles).
O restante material, organizei-o segundo o tipo e extensão dos textos num site de título decorativo, A Prosa dos Nove, que agora edito online. As páginas desse site estão dispostas como se segue:

Dicionário

                O “seu” dicionário não tinha muitas palavras, e entre estas, havia muitas quase virginais, intocadas, outras devassadas e p...