>

Poe, o corvo, o poeta, o poente. Poe-ma. O regresso à mansão escura onde no vemos tolhidos pelo medo e pela solidão.

1 comentário:

  1. Perfeito mote para um post que ando a remoer há algum tempo sobre Poe...

    ResponderEliminar

arenga sobre o amor

«Tu és a mulher amada: destrói-me! Tua beleza /Corrói minha carne como um ácido! Teu signo / É o da destruição! Nada resta / Depois de ti ...